O banco BTG Pactual pode cancelar, por tempo indeterminado, a oferta de fechamento de capital da BR Properties, maior administradora de imóveis comerciais do país. A aquisição seria feita pelo BTG, pela gestora canadense Brookfield e pelo BC Fund, fundo imobiliário administrado pelo próprio BTG. Mas os cotistas do fundo não gostaram do negócio e recorreram à Comissão de Valores Mobiliários. A autarquia deve avaliar o assunto no fim de junho, quando o banco pretendia concluir a operação. Com prazo expirado, o BTG teria de atualizar a oferta. Como do jeito inicial estava difícil, o banco avalia uma forma de substituir o BC Fund. Procurado, o BTG não comentou.